Greve do transporte: João César Mattogrosso enfatiza prejuízos aos trabalhadores e estudantes
Vereador defende que transferir a culpa para o Governo do Estado não soluciona o problema
  • Reading time:3 mins read
  • Post author:


Na manhã desta terça-feira (21), a população da Capital foi surpreendida com a greve dos trabalhadores do transporte coletivo.
De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores do Transporte Coletivo, a greve ocorre devido a falta de pagamento de vale referente a 40% de adiantamento do salário dos trabalhadores. Ainda segundo o sindicato, a paralisação, que atinge pelo menos 100 mil usuários do transporte coletivo, segue por tempo indeterminado.


O vereador João César Mattogrosso (PSDB) se manifestou sobre a situação durante a sessão desta terça-feira da Câmara Municipal, principalmente após declaração do diretor-presidente da Agência Municipal de Regulação dos Serviços Públicos (Agereg), Odilon de Oliveira Junior, à imprensa, onde transfere para o Governo do Estado a responsabilidade do problema, indicando que cabe à gestão estadual o pagamento do passe do estudante dos alunos da Rede Estadual de Ensino (REE) e ainda que a União assuma o pagamento da gratuidade do passe dos idosos.


“É uma tristeza ouvir do diretor da Agereg que, de forma irresponsável, se manifesta transferindo a responsabilidade ao Governo do Estado. É este governo que arca com 80% dos investimentos da cidade, como o Hospital do Câncer, Guanandizão, obras do bairro Nova Lima, Aero Rancho e investimentos na saúde, entre muitos outros, sobretudo para infraestrutura. Isso não é mencionado, mas no momento de enfrentar os problemas, a culpa é do Governo do Estado, o que não é verdade”, destaca o vereador.


João César Mattogrosso ainda enfatizou que além dos trabalhadores, que perderam o dia de trabalho ou precisaram arcar com transportes alternativos pagos para chegar ao emprego, os estudantes são prejudicados, por perderem o dia de aula.


“Uma sociedade só se desenvolve por meio da educação. Por isso, manter o acesso aos estudantes à escola é a primeira e principal ação para esta base. Precisamos garantir que a situação seja solucionada para assim, fortalecermos o desenvolvimento social”, enfatiza.


O vereador pontua ainda que não é contra os trabalhadores, que também são prejudicados por não receber seus devidos honorários.

CHAMA O JOÃO – Para chamar o João para uma visita ao seu bairro ou indicar melhorias, basta baixar o aplicativo que está disponível para Android e iOS. Além de solicitar avanços para sua região, também é possível acompanhar o trabalho do vereador e entrar em contato pelas redes sociais: fb.com/jcmattogrosso e instagram.com/jcmattogrosso ou WhatsApp: (67) 99904-4045. Esses são os canais que conectam o mandato do vereador diretamente com a população de Campo Grande.

Elci Holsback – Assessora de Comunicação

0 0 votes
Avaliação
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários